Tem sido freqüente notícias sobre filhos que fazem uso de drogas, ou mesmo que praticam algum crime em relação a familiares. Isso assusta e nos coloca a pensar o que os pais estão deixando escapar, que não conseguem manter os filhos dentro dos valores importantes para viver em sociedade.

Com a crescente necessidade de manter a situação financeira da família, muitos pais partem para o trabalho, convictos que manter os filhos em boas escolas, proporcionando qualidade de vida, é o suficiente para terem filhos felizes e adequados.
Mas vivemos um momento do qual precisamos estar atentos a real necessidade dos jovens, e alongar o nosso olhar sobre o que precisamos fazer para que esse desenvolvimento transcorra da forma mais tranqüila possível.
Como pais, estamos sujeitos a erros, e como é difícil acertar. Mas vamos ver o que é possível fazer?
Quanto tempo tem disponibilizado para participar da vida de seu filho mais ativamente? Acabamos distorcendo o significado dessa questão, e nos limitamos a fazer algumas perguntas básicas sobre o que está acontecendo na vida deles, mas muitas vezes nem se ouve direito o que respondem.
É muito importante resgatar momentos como sentar com eles sem pressa, ouvir o que dizem e não julgar, e sim respeitar e participar do mundo que para eles é importante. Tentar fazer que eles pensem como pensamos, ou ficar o tempo todo questionando seus atos, não é o melhor caminho.
Almoços de família são fundamentais para que seja realizada uma troca afetiva, onde todos interagem. A alegria, o bom humor, a ausência de cobranças são importantes nesse momento, para que seja uma atividade prazerosa.
Outras situações é poder incluí-los em algumas atividades como ir ao mecânico com o pai, ir ao cinema com a mãe, participar a eles mudanças que vocês pais pretendem realizar, ouvindo opiniões e idéias. Então, vale até programar uma viagem ou mesmo um churrasco, uma rodada de pizza, onde todos juntos irão preparar a comida e se integrar. Forma simples de poder incluir-los e os fazerem sentir importantes.
São muitos os caminhos que podem utilizar que fortalecerão os vínculos, basta usar a criatividade e muito amor.
*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

viaLiga da Saúde.